Câmara lança concurso para novo Teatro Municipal da Covilhã

A Câmara da Covilhã lançou o concurso público para a construção do Centro de Inovação Cultural com vista à execução da obra, com valor base de quatro milhões de euros.

A empreitada contempla a construção do Centro de Inovação Cultural e do Centro de Incubação e Apoio às Industrias Culturais e Recreativas (antiga residencial Montalto). O investimento possui um co-financiamento aprovado no âmbito do programa 2020 através do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) da Covilhã.

A traça exterior vai ser mantida mas no interior a reestruturação vai ser completa, com cinco espaços de programação e uma redução da lotação da sala principal para 600 lugares. Para além desta sala, o futuro edifício vai ter mais quatro espaços de programação servidos por uma equipa de produção.

O futuro edifício vai contar ainda com uma sala de aprendizagem pedagógica, gabinetes de trabalho, duas cafetarias, uma livraria, duas salas de arrumos e instalações sanitárias em todos os pisos. Para facilitar a mobilidade vai também ser instalado um elevador que pode circular em todos os pisos.

Complementarmente, avança também a intervenção na antiga residencial “Montalto” que prevê a criação de um Centro de Incubação e Apoio às Industrias Culturais e Recreativas, com um conjunto de outras valências.

Para o Presidente da autarquia, Vítor Pereira, “esta é uma questão muito importante porque passam a existir condições para receber espectáculos de programação regular no teatro, mas também passamos a ter condições de apoio à criação. A Covilhã pode vir a ser co-produtora de alguns espectáculos que aqui sejam criados e exibidos noutras regiões do país”. De acordo com o Presidente da Câmara da Covilhã, “esta é uma obra que chega com 30 anos de atraso”.

Convento Belmonte

Convento de Belmonte

Radio Caria no Facebook

Radio Caria. Todos os direitos reservados.