Cavaco Silva visitou empresa Dielmar

O Presidente da República espera que o Governo preste uma atenção particular às empresas exportadoras que estão localizadas no Interior do País.

A mensagem foi deixada por Cavaco Silva na vila de Alcains, no distrito de Castelo Branco, onde esteve para uma curta visita à empresa de confecções Dielmar. Ana Paula Rafael, a administradora da empresa, revelou que os custos com as portagens e deslocações de clientes internacionais a partir de Lisboa e do Porto representam um custo anual superior a 100 mil euros.

Questionado sobre o peso das portagens, Cavaco Silva referiu que "não é esse o único custo que tem de suportar no interior mas espero que estas empresas exportadoras, que contribuem para reduzir os nossos desequilíbrios, possam continuar a merecer apoios como têm merecido da parte do todos os governos".

O presidente realçou o facto de ser uma empresa de sucesso do Interior, exportando mais de 60 por cento da sua produção e dando emprego a um terço da população de Alcains. A visita durou pouco mais de uma hora e Cavaco Silva seguiu para Almeida e Marialva, onde participou nas comemorações dos 20 anos da Rede das Aldeias Históricas de Portugal, da qual fazem parte Idanha-a-Velha, Monsanto, Belmonte e Castelo Novo.

Radio Cario no Facebbok

Convento Belmonte

Convento de Belmonte