Câmara não sobe proposta de aquisição para complexo industrial da Carveste

Após o administrador de insolvência da Carveste ter proposto a liquidação do património da empresa, a Câmara Municipal de Belmonte manifestou interesse em adquirir o complexo que constituía a antiga confecção para ali se criar uma área de dinamização empresarial em Caria.

Para tal, oficializou uma proposta de aquisição no valor de 200 mil euros. Entretanto, um privado terá apresentado uma oferta superior, cobrindo assim a proposta financeira da autarquia.

Em comunicado a Câmara Municipal de Belmonte "saúda o interesse manifestado, e espera que seja o indicador de um projecto empresarial válido para a recuperação daqueles edifícios e para a reabilitação urgente daquela área. Recordando, que de acordo com o Plano Director Municipal é obrigatório que aquela estrutura continue ligada à actividade industrial".

Para não alimentar eventuais especulações imobiliárias, "a Câmara Municipal de Belmonte informa que não irá subir a sua proposta financeira, pois não está disposta a entrar num sistema de leilão. Espera assim que a proposta agora apresentada venha ao encontro do esperado por parte dos trabalhadores, e que possa dar um novo futuro àquele património industrial, criando novas actividades e novos postos de trabalho, em prol da economia local".