Rede de Museus de Belmonte recebeu 105.518 visitantes em 2017

No ano passado, a Rede de Museus de Belmonte ultrapassou a fasquia dos 100 mil visitantes. Os números oficiais foram avançados pelo presidente do Conselho de Administração da Empresa Municipal de promoção e Desenvolvimento Social de Belmonte.

Joaquim Costa afirma que a aposta na captação e atracção de turistas ao concelho vai prosseguir "em 2017, 105.518 pessoas vieram a Belmonte e este ano vamos continuar a apostar, para cada vez mais dizer-mos que vale a pena virem a Belmonte visitar e investir". Nesse sentido estão já em preparação "dois eventos que fazem parte do Plano de Actividades, já estamos a preparar a 5ª Feira de Enchidos e Sabores e o 29º Congresso da Lusofonia" disse o responsável pela Empresa Municipal de Belmonte.

O número de visitantes à Rede de Museus de Belmonte tem vindo a aumentar, no entanto Joaquim Costa sublinha a quebra do número de visitantes israelitas no último ano "em primeiro lugar são os portugueses, em segundo lugar ficaram os brasileiros, o que é óptimo já que estamos na terra de Pedro Álvares Cabral, depois temos os espanhóis e a seguir os israelitas que desceram no ranking, mas vamos apostar cada vez mais para trazer gente a visitar os museus".

Joaquim Costa acrescenta que a quebra no número de turistas israelitas poderá estar relacionada com as obras que decorreram no ano passado no Museu Judaico "não há dúvida que sim, que isso foi prejudicial. Acho que é urgente fazer a inauguração oficial do Museu Judaico, porque chegam-me opiniões de pessoas que não têm conhecimento que o museu já tem nova cara e novos conteúdos. Portanto é urgente fazer uma inauguração oficial e temos que apostar nisso". Recordar que já no ano passado, foi veiculada a hipótese do Presidente da Republica se deslocar a Belmonte para presidir à cerimónia oficial de inauguração do Museu Judaico.

Convento Belmonte

Convento de Belmonte

Radio Caria no Facebook