Proença-a-Nova recebe refugiados

O distrito de Castelo Branco é um dos destinos dos refugiados que chegaram esta semana a Portugal ao abrigo do Programa Voluntário de Reinstalação do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, a partir do Egipto.

Os 33 cidadãos, 14 adultos e 19 menores, do Sudão e da Síria, são acolhidos pelos municípios de Proença-a-Nova, Coimbra, Alvito e Lisboa. Os cidadãos que chegaram esta semana encontravam-se no Egipto sob protecção do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados e, em Julho deste ano, integraram a missão de selecção realizada por uma equipa conjunta do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e do Alto Comissariado para as Migrações.

Esta missão realizou-se na sequência da resposta portuguesa a um pedido da Comissão Europeia, dirigido aos Estados Membros, no sentido de serem reinstaladas na União Europeia, até ao final de 2019, 50 mil pessoas que carecem de protecção internacional. Portugal respondeu ao apelo manifestando disponibilidade para reinstalar até 1010 refugiados.

Radio Cario no Facebbok

Convento Belmonte

Convento de Belmonte