PSD lança site das Autárquicas 2017

A partir de hoje, e em constante actualização, o PSD disponibiliza em http://autarquicas.psd.pt/ toda a informação sobre as próximas eleições autárquicas, marcadas para 01 de Outubro de 2017. No concelho de Belmonte, Amândio Melo (foto)  surge oficialmente como o candidato apoiado pelo PSD à Câmara Municipal.

"À distância de um clique, e porque as eleições autárquicas são eleições de proximidade, os candidatos às Câmaras Municipais podem ser conhecidos na respectiva secção. No site está também "disponível a agenda de iniciativas, como convenções autárquicas locais ou apresentações de candidaturas", refere o PSD em comunicado, enviado à nossa redacção.

Outra das apostas passa "pela secção de multimédia, com vídeos e fotografias das acções levadas a cabo, que se reflectirão também na área de notícias. O PSD está assim mais próximo de todos os cidadãos que queiram conhecer os seus candidatos e projectos para cada região".

Depois de pesquisar a secção de candidatos ao distrito de Castelo Branco, surgem, nesta data, 10 candidatos às Câmaras Municipais do distrito, faltando apenas conhecer o candidato à Câmara Municipal de Penamacor. Os nomes dos candidatos são os seguintes:

Amândio Melo (Belmonte), Carlos Almeida (Castelo Branco), Marco Baptista (Covilhã), Paulo Fernandes (Fundão), António Jorge Moreira (Idanha-a-Nova), Fernando Jorge (Oleiros), Helena Martins (Proença-a-Nova), José Farinha Nunes (Sertã), Ricardo Aires (Vila de Rei) e Carlos Faria (Vila Velha Ródão).

Recordo-lhe que Amândio Melo apresenta uma candidatura independente à Câmara Municipal de Belmonte com o apoio do PSD. No passado mês de Março, a Comissão Política de Secção do PSD de Belmonte referia que “o Partido Social-Democrata registou, com apreço, a intenção de Candidatura do Senhor Amândio Melo. O que está em causa nas eleições autárquicas deve ir além da simpatia ou filiação partidária. Os autarcas devem ter as capacidades necessárias para dirigir o município e promover o progresso que as populações merecem. Estamos conscientes dos enormes desafios que a gestão autárquica representa. Este tempo exige alguém com excepcionais qualidades humanas e políticas.

A qualidade da gestão autárquica dos mandatos de Amândio Melo e o seu contributo para o desenvolvimento do concelho de Belmonte é reconhecida por todos, incluindo os seus adversários políticos. Amândio Melo tem a competência, a inteligência, a capacidade de trabalho, a sensibilidade e a capacidade de diálogo que se exige.

Reconhecemos que Amândio Melo é, acima de tudo, um político de uma inquestionável integridade, que se propõe gerir o concelho de Belmonte de acordo com os mais rigorosos padrões de exigência, rigor e transparência, tendo como objectivos o desenvolvimento do concelho, o bem-estar de todos os munícipes e a justiça social.

Deste modo, o Partido Social-Democrata entende que estão reunidas as condições para, em conjunto, podermos trilhar o caminho das eleições autárquicas no concelho de Belmonte. Promovida uma profunda reflexão em todos os órgãos do Partido, endereçámos ao candidato Amândio Melo um convite para que consubstancie, como independente, uma candidatura à Câmara Municipal de Belmonte com o Partido Social-Democrata.

O PSD trabalhará com o candidato independente Amândio Melo para encontrar as melhores propostas, soluções e equipas. Juntos, construiremos a alternativa e a mudança que o concelho de Belmonte e as suas gentes tanto anseiam”.

Este o conteúdo do comunicado da Comissão Política de Secção do PSD de Belmonte, enviado à nossa redacção, no passado mês de Março, e assinado por António Luís Nave D’Elvas.