Voto de Louvor para o médico Manuel Geraldes

Sublinhando o desempenho e dedicação do médico Manuel Geraldes (foto), o presidente da Câmara de Belmonte propôs, na última reunião pública, um Voto de Louvor que mereceu unanimidade por parte do Executivo Municipal.

Depois de ter exercido funções entre 2009 e 2012, o médico Manuel Geraldes regressa ao cargo de director executivo do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) da Cova da Beira. Um assunto comentado na última reunião pública do executivo municipal de Belmonte.

Sublinhando o desempenho e dedicação do médico Manuel Geraldes, o presidente da Câmara de Belmonte propôs, na última reunião pública, um Voto de Louvor que mereceu unanimidade por parte do Executivo Municipal “eu não resisto a propor um voto de louvor ao senhor doutor Manuel Geraldes por todos os anos que esteve à frente dos destinos do concelho de Belmonte. Não me arrependo, em 1993, de ter aconselhado na altura os responsáveis da saúde a convidar o doutor Manuel Geraldes quando eu saí de director do Centro de Saúde, são muitos anos à frente daquela unidade. Também depois de quatro anos à frente deste grupo de Centros de Saúde, que agora de novo vai ocupar este lugar, com muito mais experiência e mais saber. Um homem do nosso concelho que nos merece todo o respeito e consideração. Propunha à Câmara um Voto de Louvor ao senhor doutor Manuel Tomás Geraldes pelo lugar que vai ocupar e desejando as maiores felicidades para o futuro”.

O vereador Luís António Almeida aproveitou para felicitar a nomeação que aconteceu no dia 04 deste mês “ eu queria felicitar o nosso médico Manuel Geraldes, será um regresso às novas funções. Foi uma carreira dedicada ao Centro de Saúde de Belmonte. Segundo informações que tenho, vem um médico para o substituir. Deixaria aqui as maiores felicidades ao doutor Geraldes pelas suas novas funções no ACES da Cova da Beira, embora vai continuar a ter ligações ao concelho de Belmonte, porque vai ficar a gerir os Centros de Saúde da Cova da Beira”.

O médico residente na freguesia de Caria encara o regresso como “um duplo desafio, um desafio reforçado, uma vez que na minha ausência muita coisa aconteceu. Neste momento estou a acumular ainda a minha actividade clínica no Centro de Saúde de Belmonte, já com as novas funções, e penso que a partir do dia 01 de Julho estarei em condições para assumir, na totalidade, as funções de director executivo do ACES da Cova da Beira”.

Manuel Geraldes não esconde que uma das ambições passa por atribuir um médico de família a todos os utentes do Agrupamento de Centros de Saúde da Cova da Beira “eu penso que as dificuldades vão ser colmatadas fruto do concurso que está a decorrer, em que estão previstos mais três médicos para o Centro de Saúde do Fundão, mais um médico para a unidade do Tortosendo, mais um médico para o Centro de Saúde da Covilhã e ainda mais um para o Centro de Saúde Belmonte. Se estes lugares forem preenchidos, podemos acabar com doentes sem médico de família. O que seria uma realidade muito boa”.

Neste mandato, Manuel Geraldes define como principais prioridades o reforço do acesso dos cidadãos à rede de cuidados de saúde primários mas também à entrada em funcionamento de uma Unidade de Saúde Familiar, sendo que o Centro de Saúde de Belmonte está bem posicionada para receber essa estrutura organizativa do Serviço Nacional de Saúde “temos condições para criar uma USF no ACES da Cova da Beira. Será um dos objectivos, e posso adiantar que a unidade funcional que tem essas condições, será o Centro de Saúde de Belmonte. Portanto tudo faremos para que consigamos implementar uma Unidade de Saúde Familiar”.

Já quanto à criação da Unidade Local de Saúde (ULS) da Cova da Beira, Manuel Geraldes mostra-se cauteloso, admitindo que esse será um assunto a abordar no futuro “neste momento é demasiado cedo, vamos ver como é que a situação vai evoluir, mas terá que ser sempre numa ligação estreita ao Centro Hospitalar da Cova da Beira. Vamos aprofundar a relação que existe e com certeza que este será um dos assuntos que irá ser abordado e desenvolvido daqui para o futuro”.

Nos últimos quatro anos, o Agrupamento de Centros de Saúde da Cova da Beira esteve sem director executivo. Essa função foi desempenhada pelo presidente do Conselho Clínico, o médico António José Santos Silva, que irá manter o cargo, enquanto o médico Manuel Geraldes, reassume, sete anos depois, o cargo de director executivo do Agrupamento de Centros de Saúde da Cova da Beira que deixou em 2012.

Pelo desempenho e dedicação do médico Manuel Geraldes, o Executivo Municipal de Belmonte aprovou por unanimidade um Voto de Louvor ao médico natural e residente na freguesia de Caria.

Radio Cario no Facebbok

Convento Belmonte

Convento de Belmonte