Torneio Internacional para repetir em Belmonte

Foram dois dias muito intensos com muito público e calor no Estádio Municipal de Belmonte que recebeu a primeira edição do Torneio Internacional de Futebol Infantil “Pedro Álvares Cabral” com a participação de mais de 300 atletas, entre os seis e os 12 anos de idade.

No sábado, o Sport Lisboa e Benfica venceu no escalão de Traquinas, ao bater na final o Bairro do Valongo de Castelo Branco, e o Sporting Clube de Portugal venceu no escalão de Benjamins ao bater na final o Sport Benfica e Castelo Branco. Ontem numa final espanhola, o Hergar de Salamanca bateu o Atlético de Madrid no escalão de Infantis, a equipa da União Desportiva de Belmonte (foto) fechou o pódio.

O presidente da União Desportiva de Belmonte, Fernando Fontes, deixou um balanço muito positivo desta primeira edição apesar do calor intenso que marcou o torneio "ao princípio pensávamos que isto iria ser muito difícil devido ás altas temperaturas, mas conseguimos com uma equipa de muito trabalho, cerca de trinta pessoas envolvidas nesta organização, levar a bom porto este evento". O objectivo foi cumprido com "muita qualidade competitiva, tivemos o cuidado de trazer equipas de renome tais como o Benfica, o Sporting, o Atlético de Madrid e o Salamanca".

Paulo Futre não esteve presente, tinha sido convidado para apadrinhar o torneio, mas outros nomes do futebol nacional estiveram presentes como foi o caso de Luís Boa Morte e Carlos Xistra. O árbitro internacional covilhanense destacou a importância destes torneios e agradeceu o convite da União Desportiva de Belmonte "agradecer o convite no seu primeiro torneio, é para mim um privilégio poder participar nesta edição que espero seja a primeira de muitas, sei que correu tudo pelo melhor, estão de parabéns. Estas iniciativas são sempre de louvar porque a competitividade dos miúdos obriga-os a crescer".

O presidente da União Desportiva de Belmonte espera que este seja o primeiro de muitos "é o primeiro de muitos, julgo que sim, o feedeback que nos chega das equipas, não acreditavam que fosse possível realizar um torneio com esta envergadura. O nosso dever é mantê-lo e fazer deste lugar que chama Belmonte, um lugar onde as pessoas se sintam bem e saiam daqui com a ideia de um dia voltar" disse Fernando Fontes.

"A política desportiva assumida pela Câmara Municipal de Belmonte tem dado os seus resultados". O vice-presidente da Câmara de Belmonte, responsável pelo pelouro do desporto, afirma que "iremos avaliar a forma como isto correu, eu acredito que sim, desde que haja disponibilidade financeira, contamos estar aqui para o ano com um torneio, até quem sabe, com da a forma como correu o torneio e acredita que terá continuidade, quem sabe até com mais participantes em termos qualitativos e quantitativos".

Este foi um bom cartão de visita para o concelho de Belmonte daí que o António Manuel Rodrigues afirme que esta não é uma despesa para a Câmara mas sim um investimento "isso vê-se por esta moldura humana e vê-se também para quem esteve à hora de almoço em Belmonte, não havia espaço, não havia mesas disponíveis e é esse o retorno que nós pretendemos. Hoje já ouvi por membros da comitiva do Atlético de Madrid que pretendem voltar para visitar os museus, e isso é um bom sinal".

A primeira edição do Torneio Internacional de Futebol Infantil “Pedro Álvares Cabral” contou ao longo de dois dias com centenas de atletas e apoiantes, um investimento que teve retorno para a economia local. Uma prova que promete regressar no próximo ano.

Convento Belmonte

Convento de Belmonte

Radio Caria no Facebook

Radio Caria. Todos os direitos reservados.