"Nem nos meus melhores sonhos"

Depois de concluída a aventura, com a participação inédita na quinta edição da Ultra Maratona Beira Baixa Portugal que ligou Penamacor a Castelo Branco ao longo de 281km, Hélio Costa (foto) um dos quatro atletas que integrou a equipa do Centro Cultural Desportivo Recreativo de Colmeal da Torre deixou-nos um balanço muito positivo desta competição.

O atleta natural do concelho de Belmonte relembrou a preparação necessária para esta prova de dureza extrema. Hélio Costa afirma que nem nos seus melhores sonhos imaginava a qualidade desta prova “foram cerca de dois meses a preparar a prova, a treinar diariamente e ás vezes com treinos bi-diários para conseguir cumprir o nosso objectivo. A nível de expectativas, nem nos meus melhores sonhos, eu imaginaria que a prova era aquilo. Foi espectacular, toda a logística, as novas amizades, e muita partilha entre concorrentes, que deixam de ser adversários para ser uma família, toda a gente tenta ajudar nos momentos mais difíceis”.

A equipa de Colmeal da Torre partiu para este grande desafio com dois objectivos claros, “terminar a prova e ser os primeiros a cortar a meta”, e acabou por cumprir estabelecendo também um novo recorde da prova, 34 horas e 07 minutos, cortou a meta em Castelo Branco ás 04h07 da madrugada de sábado onde eram esperados por cerca de duas dezenas de amigos e familiares “foi muito bom chegar a Castelo Branco e ver as nossas famílias, dá-nos um conforto muito bom. Estivemos fora de casa cerca de 48 horas, sempre a correr, e a chegar ao Castelo é brutal, ficar de coração cheio, e agradecer também aos nossos amigos”.

Hélio Costa destacou também o apoio fundamental de Hugo Antunes, “a peça mais importante desta corrida, ele foi incansável, ia buscar sacos, preparava os geles, preparava as mochilas, enchia as águas, preparava os almoços. Deixo um grande abraço por aquilo que ele fez por nós”.

A colectividade do concelho de Belmonte participou pela primeira vez nesta aventura que reuniu mais de 70 atletas de 12 países. Na modalidade por estafetas, com seis equipas em prova, os quatro atletas da colectividade de Colmeal da Torre percorreram de forma faseada as oito etapas do percurso: Filipe Guerra, Pedro Santos, Hélio Costa e Romeu Afonso.

Pela primeira vez uma equipa chegou em primeiro lugar, mesmo sabendo que o grande campeão é aquele que consegue superar esta distância a solo... e neste caso, João Oliveira foi o grande vencedor desta quinta edição da Ultra Maratona Beira Baixa. A história repetiu-se e João Oliveira sagrou-se tetra campeão desta prova com o tempo de 37h 50m, batendo o seu próprio recorde.

Depois deste grande desafio, a equipa de Colmeal da Torre pondera participar no Algarve, numa prova de “Ultra Trail" com 300km, de 28 de Novembro a 01 de Dezembro, com partida de Alcoutim e chegada em Vila do Bispo. Hélio Costa afirma que “esse desafio está em cima da mesa e a ser estudado, da nossa parte estamos convictos que vamos, se conseguirmos reunir todos os apoios, lá estaremos a representar a Cova da Beira, o nosso concelho de Belmonte e a freguesia da Covilhã, de onde são naturais dois atletas”, Pedro Santos e Romeu Afonso.

Hélio Costa afirma que depois de uma paragem de duas semanas, para recuperar das emoções e das mazelas que a Ultra Maratona Beira Baixa deixou, o regresso à competição está agendado para o dia 10 de Agosto com o “Trail da Raia” na freguesia de Aldeia do Bispo, no concelho do Sabugal, “vamos parar agora, mas no dia 10 de Agosto, temos uma prova no Sabugal. Começar a descomprimir e começar a treinar e pensar nos nossos objectivos”.

Radio Cario no Facebbok

Convento Belmonte

Convento de Belmonte